FGTS: Caixa já iniciou transferência de conta inativa para saques de março

Caixa já debitou o saldo de contas inativas de 1,9 milhão de trabalhadores de 4,8 milhões que poderão fazer o saque no primeiro lote – a partir de 10 de março.

A Caixa Econômica Federal já começou a transferência do dinheiro das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para quem pode sacar os recursos em março, ou seja, para os nascidos em janeiro e fevereiro. Os valores precisam, primeiro, ser debitados da conta do FGTS e transferidos para o sistema bancário da Caixa. A liberação para os clientes seguirá o calendário de saques divulgado pelo governo.

Até o momento, a Caixa já debitou o saldo de contas inativas de 1,9 milhão de trabalhadores dos 4,8 milhões que poderão fazer o saque no primeiro lote do calendário, a partir de 10 de março.

“Como o volume é expressivo a ser liberado, logo depois do carnaval nós começamos a fazer gradualmente os débitos da conta do FGTS para as contas inativas com liberação em março”, disse diretor executivo do FGTS da Caixa, Valter Nunes , durante transmissão ao vivo no Facebook do banco.

Por causa disso, o dinheiro aparece zerado no extrato de alguns trabalhadores. “É porque o dinheiro saiu da base do FGTS e foi para a base da Caixa para que possa ser sacado pelo beneficiário (na hora)”, explicou.

Segundo Nunes, como os sites da Caixa e o aplicativo do FGTS vão buscar o saldo no sistema do fundo de garantia, dá a impressão de que essa conta foi sacada. “Mas na verdade essa conta foi debitada, o saque vai acontecer sem erro nem prejuízo para o trabalhador porque os juros e a correção monetária foram feitos no período. É uma questão mais operacional da Caixa. Se vier a mensagem no aplicativo de que a conta foi debitada não é porque alguém debitou a conta, mas quer dizer que a conta está em processo de débito para ser paga na abertura do calendário”, explicou.

Outras pessoas estão visualizando a seguinte mensagem na consulta do saldo: “Sua conta inativa está em processo de liberação para a data do seu calendário”. Isso ocorre porque o dinheiro já está no processo de ser liberado, segundo a Caixa Econômica Federal.

As agências da Caixa vão abrir nesta sexta-feira (10), na segunda (13) e na terça-feira (14) com duas horas de antecedência para atender quem for aos locais para sacar o dinheiro das contas inativas, para obter informações sobre saldo ou acertar o cadastro.

O saque das contas inativas do FGTS começa nesta sexta-feira (10) para os beneficiários nascidos nos meses de janeiro e fevereiro. O cronograma de saques se estende até o dia 31 de julho e varia de acordo com a data de nascimento dos trabalhadores. De acordo com a Caixa Econômica Federal, 4,8 milhões de beneficiários têm direito ao saque das contas inativas já neste mês, totalizando cerca de R$ 6 bilhões.

A Caixa explica que a rotina normal de liberar o dinheiro do FGTS é de cinco dias úteis. No caso das contas inativas, o banco já está agilizando a liberação do dinheiro para que seja automática no momento em que o beneficiário for até a agência sacar o recurso. Se esse procedimento não fosse feito, uma pessoa que fosse até a Caixa pedir o dinheiro numa segunda-feira só conseguiria sacá-lo na sexta-feira, por exemplo.

A assessoria de imprensa do banco ressalta que essa antecipação do crédito só é feita para as pessoas que não têm problemas de inconsistência nas informações no cadastro do FGTS.

As agências da Caixa Econômica Federal vão abrir neste sábado (11) e em outros três durante o calendário de saques para atender somente os casos de interessados em sacar o dinheiro ou obter informações sobre as contas inativas. Os demais sábados serão 13 de maio, 17 de junho e 15 de julho. Serão 1.891 agências abertas das 9h às 15h. A relação das agências consta no site.

Tem direito a sacar o dinheiro do FGTS quem pediu demissão ou foi demitido por justa causa até 31/12/2015. Uma conta fica inativa quando deixa de receber depósitos da empresa devido à extinção ou rescisão do contrato de trabalho. O trabalhador deve estar afastado do emprego pelo menos desde o fim de 2015. O trabalhador, no entanto, não pode sacar o FGTS de uma conta ativa, ou seja, que ainda receba depósitos pelo empregador atual.

De acordo com o governo, são mais de R$ 43 bilhões parados nessas contas inativas e o governo calcula que, desse total, R$ 34 bilhões serão sacados pelos trabalhadores. Segundo a Caixa, as pessoas que não conseguirem fazer a retirada do dinheiro até 31 de julho não conseguirão fazer o saque em outra data.

Consulte sua conta inativa e programe a forma de pagamento no link da caixa https://www.contasinativas.caixa.gov.br/pages/inter/home.html

Calendário do FGTS  (Foto: Arte/G1)Calendário do FGTS  (Foto: Arte/G1)

fonte: http://g1.globo.com/economia/seu-dinheiro/noticia/caixa-agiliza-a-liberacao-do-dinheiro-do-fgts-inativo-para-quem-recebe-em-marco.ghtml

Escrito por

Oportunidades de Trabalho é um portal aberto as empresas que buscam novos profissionais e, a profissionais em busca de uma oportunidade de trabalho.

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário